Família e escola são fundamentais para combater epidemia de obesidade infantil

Publicado em: 11/10/2018
IMG_1007
Família e escola são fundamentais para combater epidemia de obesidade infantil

#PraCegoVer Pessoas em plateia assistem a palestra. (Foto: Divulgação/PMC)

No 1º Fórum de Esportes e Promoção da Saúde, realizado pela Prefeitura de Caraguatatuba em parceria com o Instituto Phorte Educação, quarta-feira (10/10), no Teatro Mario Covas, a professora doutora Bruna Oneda, foi categórica ao afirmar que a obesidade de crianças e adolescentes já é uma epidemia mundial e que a solução passa por uma parceria entre pais e professores para combater esse distúrbio.

A OMS define a obesidade com base no Índice de Massa Corporal (IMC) — calculado por meio da divisão do peso (em quilogramas) pelo quadrado da altura (em metros). Um indivíduo com um IMC de 25 pode ser considerado acima do peso e a partir de 30, obeso.

Na palestra cujo tema foi “Obesidade e exercício físico em diferentes faixas etárias”, Oneda afirmou que é possível modificar o estilo de vida, adotando atividades físicas regulares e alimentação balanceada. De acordo com a especialista em Fisiologia do Exercício e em Treinamento Resistido na Saúde, as pessoas, em geral, precisam mudar essa cultura de assistir TV, usar o tablete ou ver filmes, comendo algo.

“Não é gordofobia como muitos querem fazer acreditar. É realmente um problema que precisa ser encarado de frente. Os exames de sangue das pessoas acima do peso permanecem dentro da normalidade até por volta dos 40 anos. Porém, o efeito no organismo é cumulativo. As consequências serão sentidas posteriormente, com o aparecimento de diabetes, colesterol alto, hipertensão arterial e doenças do coração. A obesidade se combate com conhecimento”, destacou.

Sobre os dados da rede escolar municipal coletados pela equipe de projetos da Secretaria de Educação, no Programa Boa Medida, que revelou que 38% dos alunos estão acima do peso ideal, a palestrante disse que é preciso firmar uma parceria com os pais e responsáveis, além da alimentação balanceada.

“Também é preciso que as aulas de educação física tenham tempo suficiente para proporcionar aos alunos gasto calórico. Com os programas Boa Medida e Caraguá Mais Saudável, o município tem excelentes ferramentas para combater a obesidade na rede escolar”, afirmou.

Prestigiaram o evento o secretário de Saúde, Amauri Toledo, representando do prefeito Aguilar Júnior; de Educação, Márcia Paiva; de Esportes, Edvaldo Ormindo da Silva; de Administração, Ricardo Romera Neto; o presidente da Câmara Municipal, Renato Leite Carrijo de Aguilar e os vereadores Evandro do Nascimento e Francisco Carlos Marcelino.

#PraCegoVer Pessoas em plateia assistem a palestra. (Foto: Divulgação/PMC)

Boa Medida e Caraguá mais Saudável – O programa Boa Medida foi desenvolvido pelo Setor de Projetos da Secretaria de Educação e tem o objetivo de identificar e encaminhar esses estudantes para os Núcleos de Atividade Esportiva e de Práticas Corporais, onde integrarão um programa de atividades esportivas, três vezes por semana, com duração de 60 minutos cada aula, para a promoção da saúde e redução de peso.

O projeto prevê ainda a instalação do Centro de Medidas Corporais e de Avaliação Física – Cemcaf, o primeiro do Litoral Norte. O local será equipado para oferecer aos alunos, um programa de avaliação específica da composição corporal, bem como orientações e acompanhamento psicológico, nutricional e de atividades corporais de promoção da saúde.

Já o Programa Caraguá mais Saudável, desenvolvido pela equipe de Alimentação Escolar da Secretaria de Educação, tem o objetivo de conscientizar as crianças sobre os riscos de desenvolver obesidade, sobrepeso, colesterol elevado, doenças cardíacas, diabetes por causa do excesso de consumo de sal, açúcares, gorduras presentes nos alimentos industrializados. Para isso um grupo de nutricionistas percorre as escolas demonstrando o quanto de sal, açúcar e gorduras estão presentes em vários alimentos como refrigerantes, sucos, massas, doces e salgados.

Dados da OMS – No ano passado, a Organização Mundial de Saúde em parceria com o Imperial College de Londres divulgaram o maior levantamento epidemiológico já realizado no mundo sobre obesidade.

Foi constatado que a obesidade cresceu 11 vezes entre jovens nas últimas quatro décadas. A prevalência de obesidade mundial em meninas saltou de 0,7% em 1975 para 5,6% em 2016. Em meninos, a alta foi ainda maior no mesmo período: saiu de apenas 0,9% para 7,8%.

Como consequência, 124 milhões de crianças e adolescentes entre 5 a 19 anos ao redor do mundo estavam obesos em 2016. Há ainda mais 213 milhões nessa faixa etária que apresentam sobrepeso e estão no limiar da obesidade.

Para a OMS o estudo revela uma verdadeira epidemia global. O fenômeno do aumento de peso está acontecendo em todos os continentes, mas a tendência é mais preocupante nos países pobres e emergentes.

Mais Notícias

Veja Também Recentes

DSC_9116
Após reforma, serviços da Reabilitação voltam a funcionar no CEM/CEO nesta segunda (08)

Após reforma para melhoria nos serviços em fisioterapia, realizados nas dependências do Setor de Reabilitação do Centro de Especialidades Médicas (CEM), todo a atendimento de rotina dos pacientes volta a funcionar no local nesta segunda-feira (08/10). Durante o período de obras, o atendimento foi realizado no Centro Integrado de Atenção

Leia Mais Notícias Secretaria de Saúde Publicado em 05/10/2018
imagem 2
Estrada do Cantagalo recebe recapeamento asfáltico

A Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Serviços Públicos, está realizando o recapeamento asfáltico na Estrada do Cantagalo, principal via de acesso ao bairro. Já foram utilizados 36 toneladas de asfalto CBUQ e é previsto que sejam usados mais 40 toneladas até a próxima sexta-feira (28/09), que é

Leia Mais Notícias Secretaria de Serviços Públicos Publicado em 26/09/2018
imagem 1 foto divulgação
Atividades na Praia Acessível e Concurso de beleza da Melhor Idade marcam fim da 7ª Semana de Valorização ao Idoso, nesta sexta-feira (19/10)

A manhã desta quinta-feira (18/10) foi de cuidados para os idosos da região central da cidade, que participaram do 2º Circuito Saúde, promovido pelo Instituto Pró + Vida, no bairro Ponte Seca. No local, foram oferecidos diversos serviços como avaliação de pressão arterial, glicose, índice de massa corporal (IMC) e

Leia Mais Notícias Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência e do Idoso Publicado em 18/10/2018
1acc4845-f409-47de-a82d-aaf26fc58d01
Convites para o “Miss e Mister Melhor Idade 2018” já estão disponíveis para troca

Quem tiver interesse em prestigiar o concurso “Miss e Mister Melhor Idade 2018”, pode adquirir os convites a partir desta segunda-feira (08/10), trocando por um pacote de fralda geriátrica, na Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência e do Idoso (Sepedi), das 9h às 16h30. Os convites são limitados, então,

Leia Mais Notícias Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência e do Idoso Publicado em 08/10/2018
IMG_4435
Inscrições para o Circuito Caraguá de Corrida de Rua 2018 continuam na Secretaria de Esportes

As inscrições presenciais da 4ª Etapa do Circuito Caraguá de Corrida de Rua 2018 encerram na próxima sexta-feira (19/10) ou até o preenchimento das mil vagas disponíveis. Os atletas precisam se cadastrar, das 9h às 12h e das 14 às 17h, na Secretaria de Esportes e Recreação, no Jardim Britânia.

Leia Mais Notícias Secretaria de Esportes e Recreação Publicado em 18/10/2018